29 dezembro 2014

PLANTÃO MATEMÁTICO


          O plantão matemático foi um projeto desenvolvido de 26 de agosto de 2014 até 26 de novembro de 2014, pelos bolsistas: Andressa Nobre Lopes, Antônio Jonas Farias, Marcela Teles da Silva, Francisco Edgley Araújo, Danilo Eduardo Barros e Antônia Damasceno Alves, aplicados aos alunos do 1º ano do ensino médio do turno manhã e tarde.
         Os objetivos deste projeto são: Ensino de matemática para os alunos com dificuldades na disciplina; Aumento de 25 pontos percentuais proficiência dos alunos dos 1o anos; Trabalhar com alunos de 1º ano do ensino médio os descritores ao qual possuem as maiores dificuldades; Contato mais próximo com os alunos; Trabalhar com estudantes a matemática de forma contextualizada, relacionando-a sempre que possível com as demais disciplinas – geografia, física, etc.

Bolsista aplicando o plantão
O instituto Unibanco realiza nas escolas o projeto jovem de futuro, que tem como metas elevar a proficiência dos alunos em três anos em 25 pontos percentuais, além de reduzir em 40% o número de abandonos gerais e 50% o número de alunos com proficiência  muito crítico e crítico.

Para alcançar a meta de elevar em 25 pontos percentuais na escala de proficiência lança mão da tutoria que consiste em contratar através de edital acadêmicos do curso de matemática para que esse possam trabalhar os alunos, fora de sala, para que estes elevem sua proficiência, este projeto visou envolver os pibidianos na mesma metodologia não havendo concorrência de projetos e sim uma soma de forças para que o objetivo seja  alcançado.


Alunos do 1° ano desenvolvendo atividades
        Os pibidianos assim como os tutores planejaram com o supervisor quais assuntos deviam ser trabalhados e foram revisar com os alunos de forma separada dos demais em outra sala que não foi a sala de aula e com um número reduzido de alunos.
O projeto foi realizado um dia na semana, nos dois turnos: manhã e tarde, o público alvo foram os alunos do 1º ano do ensino médio. A retirada dos alunos de sala de aula aconteceu no horário da aula.

O projeto plantão matemática foi desenvolvido em uma sala com poucos alunos, aproximadamente seis alunos para cada bolsista, para que os mesmos compreendessem com bastante calma e atenção os assuntos estudados. Os assuntos trabalhados foram predeterminados e baseados no planejamento do professor regente.

Bolsista aplicando o plantão

Os alunos mostraram interesse em aprender e os bolsistas adquiriram experiência em prática de ensino. No final, em soma foram trocas informação e aprendizagem de ambas as partes. Como a prática era desenvolvida por cinco bolsistas individualmente cada um com seis alunos, acreditamos que no total atingimos um publico em média de 30 alunos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário